Descubra maneiras de prevenir doenças bucais

A higiene bucal é a maneira mais eficaz de prevenir doenças nos dentes e na gengiva. A higienização mal feita pode acarretar em problemas que comprometem a saúde e autoestima do indivíduo.

Estar atento às formas de prevenção e cumpri-las trará consequências positivas à saúde bucal. 

Nesse artigo você irá descobrir quais as melhores maneiras de prevenir as doenças bucais e quais doenças podem comprometer a saúde dos seus dentes em caso de má higienização do mesmo.

O que são doenças bucais? 

Doenças bucais são patologias que afetam os dentes, gengiva e periodonto, devido fatores como:

  1. Má higienização bucal 

Essa é a causa maior de doenças bucais, pois ao não escovar os dentes corretamente, o acúmulo de placa bacteriana, transforma-se em tártaro, ocasionando em diversos outros problemas como cárie, gengivite e periodontite. 

Pessoas que possuem implante dentário devem se atentar ainda mais a higiene bucal, pois todo procedimento que é feito nos dentes necessitam de cuidados maiores. 

  1. Tabagismo 

O ato de fumar pode desencadear diversas doenças bucais, pessoas que são adeptas a usar tabaco são as mais prováveis de terem infecções gengivais, além de o cigarro deixar os dentes com aspecto amarelado.

Muitas vezes isso só se resolve tendo um tratamento de clareamento dentário feito com dentistas especializados. 

  1. Alimentação inadequada

Muitos não percebem o quanto a má alimentação pode influenciar em diversos setores da vida, porém ela é a responsável por diversos problemas de saúde, incluindo a saúde bucal. 

Alimentos ricos em açúcar e industrializados são os maiores causadores de problemas de tártaro e cárie, ocasionando a pulpite – infecção da polpa dentária.

  1. Uso de medicamentos que prejudicam o dente

No caso de fazer uso de remédios contínuos, não há como evitar devido o indivíduo ter problemas de saúde que necessitam desse cuidado, porém escovar os dentes após o uso desses componentes ajuda a prevenir os problemas bucais. 

Quais as principais doenças bucais? 

Nos consultórios dentários as queixas dos pacientes acabam sendo bem parecidas, pois essas doenças que iremos mencionar agora são as mais comuns devido esses fatores que citamos acima, saiba quais: 

  • Tártaro;
  • Cárie;
  • Gengivite;
  • Periodontite.

Abaixo vamos explicar de forma mais aprofundada cada uma dessas doenças.

  1. Tártaro

O tártaro é a calcificação da placa bacteriana acumulada nos dentes, ele tem aspecto amarelado e poroso, podendo causar diversos outros problemas de saúde bucal se não for retirado com uma profilaxia (limpeza dos dentes).

  1. Cárie

A cárie é a deterioração do dente, que inicia com uma mancha branca e ao passar do agravamento tende a escurecer, destruindo a dentição, e, em casos mais graves, infeccionando a polpa do dente.

Pessoas que têm facetas de resina ou porcelana devem dobrar a higienização dental para evitar que uma possível cárie estrague todo um procedimento feito. 

  1. Gengivite 

A gengivite é a infecção da gengiva causada por bactérias que compõem o tártaro e placa bacteriana.

Gengivite, especificamente, é a inflamação que consiste na mudança da cor da gengiva a deixando com aspecto avermelhado e causando sangramento durante a escovação. 

  1. Periodontite

A periodontite é o agravamento da gengivite, ou seja, após um longo período que a gengiva está inflamada sem tratamento, essa inflamação passa para o periodonto (tecidos e ossos de ligamento que compõem a gengiva). 

O sangramento e a halitose são os maiores sintomas que essa doença bucal causa, tendo o agravamento maior, corre-se o risco de perder dentes. 

Quem utiliza aparelho ortodôntico deve-se atentar na higiene bucal para evitar essas infecções. Com o aparelho dental invisível é possível uma fácil higienização por ele ser um aparelho removível. 

Quais são os principais tratamentos para essas doenças bucais? 

Existem diversos tratamentos, no caso da cárie o procedimento a ser feito é uma restauração dos dentes para retirada da cárie e reconstruí-los com material de resina.

Se houver o agravamento da cárie, o tratamento consiste em retirar a polpa dentária inflamada e restaurar o dente corrompido. 

Na gengivite uma profilaxia ajuda a eliminar esse tártaro, melhorando o aspecto da gengiva e evitando que ocorra uma inflamação do periodonto. 

Em casos de periodontite o tratamento é mais complicado, pois dependendo do grau do problema necessita de cirurgia ou uma curetagem para retirar todo o tártaro que está causando essa infecção.

Deve ser feito esse tratamento com um profissional especializado em periodontia.

Como prevenir essas doenças bucais? 

A prevenção consiste em uma boa escovação, consultas periódicas no profissional dentista para que ele faça uma limpeza evitando essas doenças.

No caso de pessoas que utilizam aparelho dental de porcelana, ou que possuem braquetes, deve-se utilizar uma escova interdental para retirar o acúmulo de restos alimentares grudados no aparelho. 

A escovação perfeita é feita com creme dental com flúor e o uso de fio dental, pois só ele é capaz de retirar as sujeiras que a escova não consegue. 

É imprescindível fazer o uso de um antisséptico bucal para acabar de matar todos os microorganismos. A melhor opção é o enxaguante bucal, que não contém álcool em sua composição, evitando problemas no esmalte do dente. 

Deve-se escovar os dentes após todas as refeições e antes de dormir, que é o horário no qual as bactérias se proliferam, ocasionando cáries e gengivite. 

Ao tomar todos esses cuidados irá prevenir as doenças bucais, mantendo dentes bonitos e saudáveis. 
Conteúdo originalmente desenvolvido pela equipe do blog Qualivida Online, site no qual é possível encontrar diversas informações e conteúdos sobre os cuidados com a saúde física e mental.

Previous Post Next Post

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

1 + oito =